Português Italian English Spanish

Pedágios poderão ser implantados em trechos da Serra

Pedágios poderão ser implantados em trechos da Serra


BNDES iniciará estudos sobre a necessidade das rodovias

Farroupilha - O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) vai iniciar estudos das rodovias gaúchas para se adequar às necessidades. O trecho entre São Vendelino e Carlos Barbosa e entre Farroupilha e Garibaldi fazem parte deste estudo técnico que analisa a possibilidade da implantação de um pedágio. O estudo foi assinado pelo Governador Eduardo Leite no dia 17 de janeiro. 
Lançado em março do ano passado, as concessões foram promovidas pelo Governo Estadual e fazem parte do RS Parcerias. 
O levantamento técnico e de campo deverá definir quais as necessidades das rodovias como implantação de terceiras faixas, duplicação  e obras de segurança viária para as comunidades próximas. Será necessário oito meses para conclusão dos estudos, mais o período que passará pelos órgãos fiscalizadores. 
No total, são 1.028 quilômetros de extensão em 18 rodovias, sendo  268 quilômetros de responsabilidade do Departamento Autônomo de Estradas de Rodagem (Daer) e 760 quilômetros trechos atualmente pedagiados e sob administração da Empresa Gaúcha de Rodovias (EGR)


Rodovias que fazem parte do estudo de concessão
• ERS-239
• ERS-122 (Caxias do Sul / Farroupilha / São Vendelino)
• ERS-240
• RSC-287 (trecho que não consta na concessão em andamento)
• ERS-474
• ERS-040
• ERS-784
• ERS-115
• ERS-235 (Nova Petrópolis/Gramado/Canela/São Francisco de Paula)
• ERS-466
• ERS-020
• ERS-130
• ERS-129
• RSC-453 (Rota do Sol)
• ERS-128
• RSC-135
• ERS-446 (São Vendelino/Carlos Barbosa) 
• VRS-813 (Farroupilha / Garibaldi)