Português Italian English Spanish

Tacchini adquire seu primeiro tomógrafo com inteligência artificial

Tacchini adquire seu primeiro tomógrafo com inteligência artificial


Isso dará mais rapidez na realização de exames

Bento Gonçalves- O Centro de Diagnóstico por Imagem (CDI) do Hospital Tacchini está colocando em funcionamento o seu primeiro tomógrafo com inteligência artificial. Disponível para utilização em pacientes particulares, conveniados e SUS, o novo equipamento possui imagens mais precisas, realizando exames com mais rapidez e qualidade de imagem superior.

O tomógrafo ainda diminui a dose de radiação e de contrastes em pacientes, mesmo em exames e casos complexos. As novas tecnologias corrigem ainda os borrões de imagem causados pela presença de algum tipo de prótese metálica presente no corpo do paciente. Dessa forma, o novo equipamento contribui para diagnósticos mais precisos e, ao mesmo tempo, aumenta a segurança do paciente.

Sua arquitetura oferece ainda maior conforto ao paciente, pois trabalha com maior abertura do túnel onde o paciente é posicionado, conhecido como gantry. Sua mesa é capaz de suportar até 315 kg, além de movimentar-se verticalmente para uma altura de até 31 cm do solo, proporcionando acessibilidade para todos os perfis de pacientes: sejam eles idosos, politraumatizados, obesos ou pacientes com limitação de movimentação (cadeirantes).

Novos diagnósticos:

O recursos tecnológicos trazidos pelo tomógrafo auxiliam no diagnóstico de doenças que antes somente eram possíveis de detectar a partir de procedimentos invasivos ou métodos mais caros. Além de exames cardíacos e toda rotina de radiologia vascular, ortopédica, oncológica e neurológica, o equipamento também deve auxiliar em diagnósticos de doenças pulmonares, incluindo a COVID-19. A partir do uso de um software de pós-processamento de imagens, o tomógrafo auxilia na avaliação e quantificação do “Vidro Fosco”, que é a alteração de imagem causada pela infecção do novo coronavírus no pulmão.

De acordo com o Dr. Adriano Boz, Coordenador Médico do CDI, a aquisição de um tomógrafo de última geração só reforça o compromisso que o hospital tem em oferecer o que há de melhor em tecnologia de primeiro mundo para os pacientes. “Lidamos com a maior preciosidade das pessoas, que é a vida, e por conta disso, nossa busca por inovações e modernizações é contínua”, ressalta.

Melhorias no CDI:

Com a instalação do novo tomógrafo, o Hospital Tacchini passa a contar com dois equipamentos novos, evitando possíveis interrupções do serviço nos momentos em que são realizadas as manutenções previstas pelo fabricante.

Para que o tomógrafo fosse instalado, o CDI passou por melhorias. As áreas de espera foram separadas de modo a atender melhor o cliente que vem ao hospital especificamente para este tipo de exame e os demais que se encontram internados. O novo espaço conta com sala de preparo, sala de recuperação e sala para entrevista.

Além dessas melhorias na estrutura, a maior rapidez na realização de exames neste equipamento possibilitará ampliar a oferta de horários, diminuindo para zero o tempo de agendamento e beneficiando um amplo número de pacientes.