Português Italian English Spanish

Incêndios criminosos são investigados em Garibaldi

Incêndios criminosos são investigados em Garibaldi


No mês de março já foram atendidas 24 ocorrências

Garibaldi- A Corporação de Bombeiros Voluntários de Garibaldi, atenderam neste mês de março, que ainda segue em curso, 24 ocorrências de incêndios em vegetação. “Estamos passando por uma época de estiagem e enfrentando diversos problemas. Um dos principais é a escassez de água, além do calor excessivo e vegetação extremamente seca. Contudo, no nosso município outro problema nos afeta. São as queimadas”, comentou em entrevista à Rádio Estação FM o comandante Ridan Villa.

Pessoas mal intencionadas e sem compaixão nenhuma com a natureza e seus semelhantes, estão realizando a queima de lixo, de mato para a limpeza de áreas de terras, dentre outros crimes. Só que pelos motivos elencados, esses incêndios tomam proporções que colocam em perigo toda fauna e flora, além das moradias próximas, sem contar a vida de pessoas. Deste total de ocorrências (24 até o momento), 18 foram de grandes proporções, necessitando o emprego de grandes quantidades de água.

“Pedimos encarecidamente para que não pratiquem tal ato, e quem presenciar alguém ateando fogo na vegetação, que comunique a polícia, pois trata-se de um crime e se possível realizar essa extinção o quanto antes, pois é de suma importância para preservarmos essas áreas e caso não possuam condições de extinguir, chame então o corpo de bombeiros pelos fones 193 ou (54) 3462-1262 imediatamente”, comentou o comandante Ridan.

Art. 250 do Código Penal Brasileiro:

- Causar incêndio, expondo a perigo a vida, a integridade física ou o patrimônio de outrem: Pena - reclusão, de três a seis anos e multa. As penas aumentam-se de um terço, se o crime for cometido com intuito de obter vantagem pecuniária em proveito próprio ou alheio, se o incêndio é em lavoura, pastagem, mata ou floresta.