Português Italian English Spanish

Rio Grande do Sul entra em bandeira vermelha após novo decreto

Rio Grande do Sul entra em bandeira vermelha após novo decreto


Com isso a cogestão será suspensa

Porto Alegre- Em reunião de emergência sobre o Modelo de Distanciamento Controlado no estado do Rio Grande do Sul, após a decisão do Tribunal de Justiça-TJ, que indeferiu o agravo do governo gaúcho que visava o retorno às aulas, o governador Eduardo Leite, na noite de segunda-feira,26, tomou duas decisões.

O Rio Grande do Sul estará todo em bandeira vermelha e a cogestão será suspensa para frear liberações municipais. Com isso, o governo busca driblar a determinação judicial, que sustentou uma regra criada pelo Executivo, de que com a bandeira preta, as aulas não poderiam ser retomadas.

Outras mudanças no Modelo de Distanciamento Controlado estão em análise, entre elas, a derrubada da trava de 0,35, diferença entre leitos ocupados de UTI/Covid e leitos livres. A ideia é a de que haja um período de transição, de 10 dias, com as mudanças já definidas. As outras alterações devem vir após esse período, e muita análise.

Estas mudanças, visam especialmente a retomada das aulas presenciais. O governo segue com ação no Supremo Tribunal Federal-STF, visando o retorno às aulas. Com as mudanças, o processo em Brasília tende a ser extinto.