Português Italian English Spanish

Polícia localiza criminoso que matou agente penitenciário em Caxias do Sul

Polícia localiza criminoso que matou agente penitenciário em Caxias do Sul


Bandido tentou fugir e encurralado acabou se matando

Porto Alegre-As forças policiais chegaram até o paradeiro do criminoso que matou um agente penitenciário na cidade de Caxias do Sul, num trabalho incansável de policiais de diferentes cidades do estado, iniciado após a morte do agente Clóvis Antônio Roman, 54 anos, ocorrido na última segunda-feira, 07, em ação de resgate de preso, durante escolta médica.

A ação ocorreu com o desfecho final na manhã desta quarta-feira, 09,  em Porto Alegre. Após trabalho de inteligência da Brigada Militar e investigação da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) foi descoberto o paradeiro do criminoso na capital. A Brigada Militar, juntamente com a Polícia Civil chegaram no apartamento onde ele estava escondido. Ao perceber a presença policial ele tentou fugir, e encurralado, acabou se suicidando.

Ainda na segunda-feira,07, a BM e a PC já haviam chegado num dos endereços de apoio a quadrilha, na rua Ludovíco Cavinato, no bairro São José em Caxias do Sul, onde foram apreendidos coletes balísticos, munições, carabina, rifle e fuzil, além do veículo que aparece nas filmagens do resgate do preso na UPA Zona Norte.

Durante a ação nesta manhã na Capital, outros dois criminosos foram presos e a mulher do detento alvo do resgate, também foi detida na cidade de Três Cachoeiras.